• VITTAL FISIO

Acupuntura como terapia complementar


A acupuntura é um dos principais aspectos da medicina tradicional chinesa e vem se difundido cada vez mais em diversas partes do oriente e do ocidente - promovendo bem estar e qualidade de vida no tratamento de inúmeras patologias.


A técnica se baseia na inserção de agulhas em pontos estratégicos do corpo para aliviar ou tratar determinados tipos de enfermidades, indo sempre de acordo com a necessidade de cada paciente. Isso é: a acupuntura tem como princípio um atendimento individualizado e focado não apenas na patologia, mas também nos aspectos físicos e mentais que possam tê-la desencadeado - e esses fatores variam de pessoa para pessoa.


Na fisioterapia, a técnica também tem se difundido bastante e atuando muito mais do que uma medicina alternativa, cumprindo um papel fundamental como terapia complementar junto ao tratamento estabelecido pelo fisioterapeuta.


Mas para entendermos de que forma a acupuntura complementa os tratamentos, primeiro precisamos entender suas diferentes abordagens terapêuticas e de que forma elas agem no nosso organismo. E pra isso, a Vittal Fisio criou esse conteúdo abordando tais temas que circundam a técnica - pois apesar de sua popularidade, ainda carrega muitas curiosidades a serem exploradas.


Boa leitura!


O que é acupuntura?


Utilizada há mais de dois mil anos pela medicina oriental, a acupuntura consiste na estimulação de pontos anatômicos relacionados a diversos órgãos e sistemas do corpo - e como dito acima, essa estimulação é feita por inserções de agulhas muito finas, penetradas superficialmente com o propósito de estimular as terminações nervosas existentes na pele e nos outros tecidos.


A técnica é capaz de aumentar a imunidade e auxiliar no tratamento em diversas situações, incluindo tensão emocional, lesões de origem musculoesquelética, ansiedade e até mesmo doenças crônicas como sinusite, asma e enxaqueca, por exemplo. Em outras palavras: é capaz de agir em praticamente todas as disfunções físicas e psicológicas.


Acontece que as técnicas de acupuntura se baseiam na ideia de que o corpo é composto de energia acumulada em várias regiões, que são chamadas de meridianos. Se o fluxo de energia nestes determinados meridianos estiver desequilibrado, acaba provocando inflamações no corpo e causando sintomas como dor, cansaço e fraqueza.


Por isso, o objetivo do tratamento com acupuntura é basicamente restabelecer o equilíbrio do corpo e facilitar a circulação de energia, desencadeando diferentes efeitos no organismo - dependendo da necessidade e da patologia de cada paciente. No entanto, este tipo de tratamento deve ser realizado por profissionais capacitados e sob orientação de um médico.


Como ela age no organismo?


Com a inserção das agulhas nos pontos estratégicos, o corpo envia mensagens para o cérebro que desencadeia diferentes efeitos e sensações, podendo agir como analgésico, relaxante muscular, antiinflamatório, antidepressivo e ainda fortalecer a imunidade.


Por exemplo: é possível estimular, através da acupuntura, os pontos ligados à produção dos hormônios do estresse (como o cortisol), diminuindo a sua ação no nosso organismo e, assim, reduzir os níveis de ansiedade e das dores envolvendo estas tensões - o mesmo se aplica a praticamente todas as patologias tratadas pela acupuntura, se tratando de um processo que atua na saúde do organismo.


Sendo assim, a acupuntura pode atuar como o único e principal tratamento, como também ser indicada como terapia complementar em muitas e diferentes áreas - desde a oncologia até a fisioterapia.


Acupuntura & Fisioterapia


Na fisioterapia, a acupuntura é bastante utilizada como tratamento complementar por, muitas vezes, conseguir acelerar a recuperação do paciente e amenizar as dores e desconfortos - em casos de lesões mais intensas.


Mas de maneira geral, a fisioterapia utiliza as técnicas de acupuntura de duas formas: direta ou indiretamente - onde as agulhas podem receber uma leve corrente elétrica ou serem manipuladas manualmente.


No método indireto, a acupuntura visa a recuperação a partir do estímulo dos pontos conectados à lesão. Esses estímulos nos tecidos chegam até o cérebro e lá produzem substâncias que inibem a dor e amenizam a inflamação. Já no método local, as agulhas são inseridas diretamente na lesão, provocando uma modificação das células afetadas e acelerando a regeneração destes tecidos.


Independentemente do método escolhido, a acupuntura atua na circulação sanguínea do tecido lesionado e leva ao relaxamento muscular, redução da dor, liberação de tensões musculares e valorização da elasticidade muscular - além de atuar no controle e no equilíbrio físico e mental, fatores importantes em qualquer tratamento.


Onde tratar em Canoas?


Aqui na Vittal Fisio Canoas, contamos com médicos fisiatras e uma equipe de fisioterapeutas qualificados e capacitados, responsáveis pelo espaço de Acupuntura na Clínica - onde têm desenvolvido um trabalho incrível com aqueles que incluem a prática em sua rotina, garantindo a devida atenção aos objetivos e condições dos pacientes.


Além disso, nós possuímos ambientes reservados e adaptados para a técnica, tudo para proporcionar aos nossos pacientes um local de confiança e tranquilidade!


Ficou curioso? Entre em contato conosco e agende uma consulta!


5 visualizações0 comentário